Jan 11 – Etapa 7: Calama  – Salta (rally enters Argentina) – distância total 806 km: 586 km ligação; 220 km especial

O dia ficou ensombrado pelo falecimento de um piloto francês das motos. Durante a ligação, Thomas Bourgin chocou contra uma viatura da policia chilena que circulava em sentido contrário, a equipa de socorros nada conseguiu fazer, admitindo-se que o malogrado piloto terá tido morte imediata.

Esta etapa também não vai deixar saudades ao principal candidato à vitória. Cyril Despres e chefe de fila de Ruben Faria já que foi apenas 34.º na “especial”, devido a um problema na caixa de velocidades da sua KTM. Depois, na ligação seguinte a moto deixou de funcionar a cerca de 30 Km do acampamento. Como se trata de uma “etapa maratona” para motos e quads, os concorrentes não podem receber assistência no final do dia. Cyril Despres ficou parado na pista, a tentar resolver a avaria, que não foi problemático já que foi mecânico,  conseguiu retomar a pista mas com grandes dificuldades e  num ritmo moderado..

Ruben Faria – Acompanhou como mochileiro  Cyril Despres  durante vários kms e quando foi “libertado” pelo seu chefe de fila, atacou e ainda  conseguiu o 5.º tempo na “especial”. Veremos se o Francês terá de mudar de motor e se a aposta da KTM para vencer o Dakar passará para o Português .

Helder Rodrigues_7Hélder Rodrigues registou o 19.º tempo no sector selectivo, baixando um lugar na tabela geral, para 11.º. “A etapa de hoje não tinha qualquer tipo de dificuldade ao nível de navegação, era muito rápida e em pista bem definida,” explicou Rodrigues. “Tentei ser rápido, mas a altitude condicionou o andamento.”

Paulo Gonçalves foi 26.º neste dia e subiu duas posições no acumulado da prova, para 25.º. “Tive um andamento regular, sem problemas, apenas com o objectivo de poupar a mecânica tendo em conta que hoje é a etapa maratona”, afirmou o piloto de Esposende.

Veja Vídeo  HRC-Dakar:  http://www.youtube.com/watch?v=JEETZtrt-Ks&feature=youtu.be

Mário Patrão,  – continua a subir na classificação e fez  28.º tempo. “Tudo continua a correr bem,” sintetizou o piloto de Seia. “Mantive-me calmo e poupado já que no final do dia de hoje não vamos ter qualquer tipo de assistência.”

Classificação Geral:

1.º Olivier Pain (Yamaha) 17m28.17s; 2.º Francisco Lopez (KTM) a 6.06; 3.º David Casteu (Yamaha) a 6.37; 4.º Ruben Faria (KTM) a 9.42; 5.º Cyril Despres (KTM) a 14.07; … 11.º Hélder Rodrigues (Honda) a 31.32;… 25.º Paulo Gonçalves (Husqvarna) a 1h38.08; … 40.º Mário Patrão (Suzuki) a 3h13.04; … 98.º Pedro Bianchi Prata (HUsqvarna) a 7.46,44; etc.

MA1

Desporto motorizado de duas rodas **Por Mário Andrade**11/01/2013** mandrade@ipressglobal.com

 

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Anti Spam * * Tempo esgotado. Por favor recarregue o CAPCHA.