A CP – Comboios de Portugal alertou hoje que não haverá serviços mínimos a 01 de janeiro, ao contrário do que tinha informado anteriormente, devido à desconvocação da greve do Sindicato Independente Nacional dos Ferroviários.

Apesar de este sindicato ter desconvocado a paralisação, a CP adianta que “manter-se-ão as diversas greves convocadas por outras organizações sindicais, para as quais não foram decretados serviços mínimos, pelo que se prevê a não realização da maioria dos comboios neste dia, bem como perturbações na circulação durante todo o dia 31 de dezembro e na manhã de 02 de janeiro”.

A CP acrescenta, em comunicado, que poderão realizar-se alguns comboios “graças à compreensão de colaboradores que decidam ir trabalhar”, por isso recomenda “a consulta dos canais de informação da empresa, na proximidade da viagem”, quer através do endereço www.cp.pt, quer pelo serviço de atendimento telefónico 808 208 208.

Os trabalhadores da CP, da CP Carga e da Rede Ferroviária Nacional contestam a alteração do Código de Trabalho que reduz para metade o valor pago pelo trabalho em dias feriado e reclamam ainda a atualização dos salários.

Agência Lusa
COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Anti Spam * * Tempo esgotado. Por favor recarregue o CAPCHA.