O presidente da Rede Europeia Anti-Pobreza afirmou que o Orçamento do Estado deixará Portugal com “mais de três milhões de pobres”. É 30% da população, mas há vozes que defendem que será muito mais que isso.

Ninguém arrisca dizer qual será o número de pobres que Portugal terá em 2013 porque, alerta Ana Cardoso, do Centro de Estudos para a Intervenção Social, “será maior do que os indicadores medem”. Mais de três milhões? “É possível”.

Redação iPressGlobal

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Anti Spam * * Tempo esgotado. Por favor recarregue o CAPCHA.