Realiza-se este ano a 19ª edição da Mostra de Teatro de Almada, composta por um programa com 19 espetáculos de 19 companhias diferentes. O certame terá lugar entre 12 e 19 de Novembro.

A mostra surge da iniciativa da Câmara de Almada em conjunto com os grupos de teatro do concelho e este ano brinda os apreciadores da arte de representar com 19 espetáculos, que em comum têm temas como a inclusão, o sentido da vida, a repressão, a ciência e a matemática.

A grande novidade desta edição prende-se com o facto de pela primeira vez esta se expandir a coletividades de localidades vizinhas.

O certame decorrerá em 12 salas de espetáculo diferentes passando pela  Casa da Cerca, Solar dos Zagallos, Cineteatro da Academia Almadense, Incrível Almadense, Auditório Pluricoop da Associação Cultural Manuel da Fonseca, antiga Escola Primária Conde Ferreira, Teatro-Estúdio António Assunção, Teatro Municipal Joaquim Benite, Auditório Fernando Lopes-Graça, a Recreios Desportivos, na Trafaria, e o auditório da associação Gandaia, na Costa da Caparica.

A iniciativa arranca dia 12 de novembro no Teatro-Estúdio António Assunção, com “O grito”, de Herberto Helder, pelo coletivo O Grito, encenada por Anabela Neves.

Além de espetáculos, a mostra oferece ainda outras atividades como exposições e tertúlias dedicadas ao teatro e uma oficina cujo tema é “Construção da personagem”.

Quem parece marcar presença nesta edição é o número 19 presente em vários aspetos do evento.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui