Desapontado com a revista Rolling Stone, que esta semana faz capa com a imagem de Dzhokar Tsarnaev, um fotógrafo da polícia de Boston decidiu divulgar imagens inéditas da captura do jovem terrorista que matou três pessoas num ataque contra a maratona daquela cidade americana.

O sargento Sean Murphy esclareceu à revista Boston Magazine, na qual publicou as suas fotografias, que estas mostram “o verdadeiro bombista”. Além disso, o agente da polícia de Boston afirmou que a capa da Rolling Stones pode “magoar” a memória das vítimas e as suas famílias.

Numa das imagens mais chocantes pode ver-se Tsarnaev, com o rosto coberto de sangue e marca do infravermelho da espingarda de um sniper apontada à sua testa.

A 15 de abril, Dzhokar e o irmão Tamerlan colocaram engenhos explosivos no final do percurso da maratona de Boston. As explosões fizeram três mortos e mais de 260 feridos. Tamerlam, o mais velhos dos Tsarnaev, foi morto durante a fuga à polícia, enquanto o irmão acabou por ser capturado depois de várias horas escondido num barco nas traseiras de uma casa de Boston.

A polícia de Boston já anunciou que o sargento Murphy está a ser alvo de um inquérito interno, mas a direção da Boston Magazine explicou no Twitter que o agente já não se encontra em serviço ativo.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.