Para António Costa Portugal está melhor em relação a 2011, não se percebe é em quê concretamente. Será que é em relação aos elevados níveis de desemprego? Será que é em à saúde ou educação? Será que é relativamente à divida externa?

António Costa não explica, apenas considera que Portugal está diferente e agradece aos investidores chineses por terem acreditado em nós quando investiram, esperando que esse investimento continue

Fica assim por explicar em que é que António Costa considera o país melhor e seria importante essa explicação, uma vez que será, provavelmente, o próximo primeiro-ministro e as pessoas merecem conhecer que política irá querer aplicar ao país daqui por meio ano.

A falta de explicações do atual líder do PS sobre que política quererá seguir são escassas e, por esse motivo ainda menos coerentes se tornam estas suas declarações, a falta de argumentos naquela explicação patética, foram um desastre. A ineficácia da estratégia seguida pelo líder do PS está à vista nas últimas sondagens e, ou a sua gestão de retórica passa a ser outra ou arriscamos mesmo a ter um PS colado à mesma política que tem vindo a ser seguida pelo atual governo.

A falta de estratégia de António Costa é visível, não só nesta gafe, mas tem sido visível ao longo de todo o seu caminho como principal líder da oposição, fazendo lembrar o que se criticava em António José Seguro, Por isso fica a questão, será que são os lideres do PS que têm pouca habilidade política, ou será que o problema reside no próprio PS que não consegue descolar desta política seguida pelo atual governo e das instituições estrangeiras?

Esperemos que se altere alguma coisa no Partido Socialista, ou assistiremos a mudança nenhuma, e sobre isso não há qualquer dúvida.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.