Num jogo intenso e polémico, o SL Benfica bateu fora o Águas Santas por 20-25 e apurou-se para a final-four da Taça de Portugal.

Equilíbrio, nervos, intensidade e emoção, tudo num só jogo! O bom momento de forma que atravessa a equipa do Águas Santas Milaneza não foi suficiente para ultrapassar a equipa encarnada e seguir em frente na Taça. A primeira parte foi de clara ascendência do SL Benfica, que à passagem dos 10 minutos já comandava a partida e o marcador. Com os nervos à flor da pele, a equipa maiata não conseguia concluir as jogadas ofensivas com sucesso, cometendo vários erros técnicos que ditavam perdas de bolas e consequentes contra-ataques rápidos do adversário, quase sempre concluídos com êxito.

01032014-IMG_1485A partida estava a ser bastante disputada e quente, quando a equipa de arbitragem “resolveu” complicar o jogo, expulsando com vermelho direto o maiato Pedro Cruz, e iniciar um rol de exclusões sem memória, o que viria a prejudicar em muito a qualidade do jogo. A equipa da casa acusou a intranquilidade, por sua vez a equipa encarnada aproveitou para consolidar a vantagem, liderando o resultado ao intervalo por três golos (9-12).

No segundo tempo, a equipa orientada por Paulo Faria ainda tentou reagir, mas a experiente equipa do SL Benfica continuava a ser superior e a saber gerir as emoções enquanto assistia ao descontrolo emocional do Águas Santas, aproveitando para dilatar a vantagem e fechar a partida com uma vitória por 20-25.

Nos restantes jogos, o Sporting eliminou o FC Porto por 25-23, o ABC Braga venceu o ISMAI por 30-26 e o Xico Andebol qualificou-se ao bater o Fermentões por 31-23. A final-four da Taça de Portugal irá ser disputada na Maia nos dias 12 e 13 de Abril.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.