Equipa madeirense vence Alavarium Love Tiles por 19-25, forçando o terceiro jogo para decidir quem será o campeão nacional

A jogar em casa – completamente cheia – e depois do triunfo na Madeira, a equipa aveirense do Alavarium tinha o tricampeonato ao virar da esquina, mas deparou-se com um Madeira SAD decidida em lutar pelo título, que soube impor o seu forte jogo ofensivo e vencer com toda a justiça a segunda partida da final do play-off do Campeonato Multicare 1ª Divisão Feminina.

O jogo começou repartido, com ambas as equipas bastantes cautelosas, anulando as saídas rápidas para o ataque. Com o decorrer dos minutos e sabendo que teria de correr atrás do prejuízo para igualar a eliminatória, a equipa madeirense foi superiorizando-se e arriscando um pouco mais, definindo o destino do encontro a partir dos dez minutos, altura em que assumiu a dianteira no marcador e disparou para uma vantagem de 4 golos, desorientando por completo a equipa aveirense. Até ao intervalo o Madeira SAD soube gerir muito bem a diferença, tirando partido do desacerto que o Alavarium vivia, fechando a primeira parte com uma margem confortável de 5 golos (8-13).

Elevada ineficácia ofensiva do Alavarium, ditou derrota prematura

Ana Neves voltou a cotar-se com a melhor jogadora do Alavarium, ao apontar 5 golos
Ana Neves voltou a destacar-se como a melhor jogadora do Alavarium Love Tiles, ao apontar 5 golos

Com uma entrada demolidora na etapa complementar, o Madeira SAD estabeleceu um parcial de 0-5, cavando ainda mais a vantagem no marcador, perante a passividade das aveirenses que não souberam reagir, acusando em demasia o peso da responsabilidade do jogo. Motivadas e confortáveis, as madeirenses chegaram a liderar com 9 golos de vantagem, sinal da clara superioridade demonstrada durante todo o encontro. Com o jogo perdido, notou-se um natural desânimo entre as jogadores do Alavarium, com a excepção de Ana Neves, que mais uma vez foi a mais inconformada da equipa, tentando sempre incitar uma reação da equipa, mas parecia estar sozinha nessa luta inglória.

No final, o resultado de 19-25 favorável ao Madeira SAD foi justo e relançou a final, sendo o último jogo disputado hoje pelas 16:30h de novo em Aveiro.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.