O FC Porto está em vantagem na eliminatória (2-0) e parte para Luz com tranquilidade, sabendo que falta apenas um triunfo para marcar presença na final do Campeonato Nacional do Andebol 1.

Se o formato de “play-off “desta época tem sido controverso e duramente criticado, a verdade é que este formato permitiu que se assistisse no Dragão Caixa a dois excelentes jogos de andebol e em dias seguidos, ficando com os “louros” a equipa da casa, que teve a capacidade de bater um adversário que discutiu a vitória até aos últimos segundos de cada partida.

No primeiro jogo, os Dragões entraram na partida de forma avassaladora, manietando por completo o Benfica. Com uma grande eficácia atacante e enorme coesão defensiva, os portistas à passagem pelo meio da primeira parte lideravam por 6 golos de diferença (10-4), margem suficiente para começarem a gerir o jogo e o resultado, até porque, no dia seguinte, haveria novo jogo. Ao intervalo os azuis e brancos venciam por 14-11. No segundo tempo as equipas estiveram em grande plano, mas anularam-se por completo. Se por um lado os encarnados tentavam a todo custo reduzir a desvantagem, por outro os Dragões mantinham a concentração e não vacilavam no marcador. Até ao final, jogo intenso mas sem alterações no marcador, vitória portista por 28-25.

Incerteza no resultado foi nota dominante no segundo jogo

03042015-IMG_0137Depois do triunfo na véspera, os azuis e brancos voltaram a entrar fortes na partida conseguindo um parcial de 4-0 ainda antes dos quatro minutos. Mas a história do jogo não seria igual à do dia anterior, o Benfica soube responder com mérito e com o passar dos minutos foi recuperando, chegando à igualdade (11-11) ao minuto 22. Com a partida equilibrada, foi o “joker” portista a mudar o rumo dos acontecimentos, Gilberto Duarte nos últimos minutos da primeira parte foi decisivo para a vantagem curta com que a equipa regressou aos balneários, 14-13.

Na segunda parte as equipas equilibraram (de novo) as forças, com a incerteza no marcador a ser uma constante até ao apito final. A custo, a equipa do FC Porto foi liderando o resultado, sempre com as Águias a espreitarem a oportunidade da reviravolta, o que viria acontecer de forma fugaz à passagem pelo minuto 43 (20-21).

No final, vitória feliz do FC Porto por 28-27, ficando a faltar apenas mais um triunfo  para garantir presença na final e lutar pela conquista do heptacampeonato. O próximo jogo do “play-off” será no Pavilhão da Luz na próxima 4ªfeira.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.