Os principais candidatos à Presidência da Argentina encerraram suas campanhas na noite de quinta-feira (22/10) apelando pelo voto dos eleitores indecisos e hesitantes.

Uma pesquisa do instituto Management & Fit revelou na semana passada que quase um terço do eleitorado continua volátil. De acordo com o levantamento, 10,2% dos argentinos estão indecisos e 17% afirmam que podem mudar seus votos na última hora. O pleito que vai escolher o sucessor da presidente Cristina Kirchner está marcado para o próximo domingo (25/10).

Com esses dados em mente, os principais candidatos se concentraram no último dia suas campanhas nas maiores cidades do país. O candidato governista, Daniel Scioli, realizou um comício em Buenos Aires. O segundo colocado, o oposicionista Mauricio Macri, foi a Córdoba, o segundo maior centro do país. Já Sergio Massa esteve em Tigre, na província de Buenos Aires.

Scioli está à frente dos outros candidatos. A última pesquisa do instituto Management & Fit mostrou que o governista lidera com 38,3% das intenções de voto. Macri, atual governador do distrito federal de Buenos Aires, aparece com 29,2%. Já Massa tem 21%. A margem de erro é de quatro pontos, para mais ou para menos.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.