As equipas de salvamento no Nepal estão hoje a resgatar os corpos de pessoas, depois das chuvadas torrenciais que mataram pelo menos 85 nepaleses, para impedirem um surto de cólera, disseram as autoridades.

Catmandu, 17 ago (Lusa) – As equipas de salvamento no Nepal resgataram este sábado os corpos de pessoas, depois das chuvadas torrenciais que mataram pelo menos 85 nepaleses, para impedirem um surto de cólera, disseram as autoridades.

As chuvas torrenciais que caíram na semana passada fizeram com que registassem vários deslizamentos de terras e inundações que mataram pelo menos 85 pessoas e causaram mais de 100 desaparecidos, segundo informou o Ministério do Interior nepalês.

As fortes chuvas e a força das águas danificaram estradas em toda a planície do oeste do país, que faz fronteira com a Índia, obrigando as autoridades a usar helicópteros para resgatar pessoas que ficaram isoladas e conseguirem fornecer alimentos nesta situação de emergência.

À medida que o tempo começou a melhorar, na tarde de sábado, depois de três dias de chuva diluviana, os militares evacuaram milhares de pessoas no distrito de Bardiya nas planícies do oeste do país, referiu o porta-voz do ministério do Interior, Laxmi Prasad Dhakal.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui