Na madrugada de sexta-feira em Braga, um carro “voou” cerca de 60 metros, raspou no tejadilho de um carro da GNR, que passava na rotunda “sobrevoada” e parou num campo de milho, 80 metros após “a descolagem”. Condutor acusou álcool no sangue e escapou ileso ao acidente.

“Incrível” e digno de “filme de ação”. Estas eram as expressões ouvidas esta madrugada após um acidente na reta da Avenida de Sequeira, em Braga, na EN 103.

Cerca da 1.30 horas, um BMW, que seguia no sentido Barcelos-Braga, embateu num triângulo de separação de via, levantou voo e passou por cima de uma rotunda – atravessando a meio uma árvore de médio porte – e foi parar ao interior de um campo, onde capotou várias vezes, terminando no meio de uma plantação de milho. Isto tudo ao longo de quase 80 metros.

“Precisamente 79 metros e meio”, informava a GNR de Braga, também ela espantada com o acidente de um condutor de 38 anos, que saiu praticamente ileso do acidente. “Mas há mais”, referiram as autoridades.

Ao longo do voo, cerca de 60 metros de comprimento e cinco de altura no seu ponto máximo, já na trajetória descendente as rodas do BMW amorteceram no tejadilho de um carro descaraterizado do Núcleo de Investigação Criminal da GNR de Braga que naquele preciso momento circulava na rotunda, vindo da EN 102-2 (Vilaça).

Os militares da investigação criminal, caso tivessem optado por seguir para Braga (fazendo a rotunda por fora), teriam sido atingidos em cheio pelo BMW.

Os destroços do carro estavam por todo lado. Desde a rede que o carro derrubou parcialmente, encostada ao muro que sobrevoou, e no que sobrou da árvore atingida pelo veículo. “Apenas ouvi um barulho fora do comum. Depois pareceu-me ouvir vozes vindas do meu terreno. Quando espreitei, nem acreditei no que estava a ver”, referiu José Gonçalves, 72 anos, dono do terreno.

Os Bombeiros Voluntários de Braga, com INEM e carro desencarcerador, socorreram a vítima, residente em Ferreiros, mas esta recusou ser transportada ao hospital. Segundo o JN, o condutor acusou álcool no sangue e a GNR de Braga tomou conta da ocorrência.

JN
COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.