foto: USAF / Wikimedia //

Dezenas de pessoas foram evacuadas em Hong Kong de um estaleiro de construção civil e dos edifícios mais próximos devido à descoberta de uma bomba de 220 kg dos tempos da Segunda Guerra Mundial.

Segundo a edição desta segunda-feira do jornal South China Morning Post, a bomba foi encontrada durante trabalhos de construção no sul da cidade. Foram evacuados mais de 30 trabalhadores, bem como dezenas de pessoas do campus da universidade local.

Foram destacados para o local equipas de sapadores e especialistas em explosivos para neutralizar a bomba.

De acordo com declarações de um funcionário da polícia local, uma primeira análise do objecto revelou que a bomba, um dispositivo dos tempos da Segunda Guerra Mundial, pesa cerca de 226 kg e tem um comprimento de 1,20 metros.

Segundo o responsável policial, é extremamente perigoso transportar a bomba, pelo que a zona num raio de 400 metros do local da descoberta foi isolada para que o dispositivo possa ser desactivado sem que seja necessário proceder ao seu transporte.

Segundo o SCMP, não é a primeira vez que vestígios da 2ª Guerra Mundial são encontrados em Hong Kong, território que durante a invasão japonesa de 1941 foi palco de intensos combates entre as tropas nipónicas e o exército da China.

Em novembro de 2015, um caçador de relíquias local encontrou quatro granadas japonesas, um morteiro e diversas munições de combate enterradas numa colina a 50 metros do complexo habitacional Parkview, um dos mais luxuosos de Hong Kong.

Em fevereiro do ano passado, trabalhadores encontraram também nas obras de construção de um complexo residencial em Happy Valley uma bomba americana de 900 kg do tempo da 2ª Guerra Mundial, que obrigou na altura à evacuação de 2.000 pessoas dos escritórios, apartamentos e unidades hoteleiras da zona.

ZAP // Sputnik News

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui