A convite do realizador Ruben Alves, o street artist Vhils recriou a imagem de Amália em calçada portuguesa que pode, desde quinta-feira passada, ser vista em Alfama. Esta imagem servirá de capa ao CD “Amália, as Vozes do Fado”.

A Universal France convidou Ruben Alves para dirigir um disco de homenagem a Amália Rodrigues, para o qual o realizador fez questão de convidar as melhores vozes para cantar o reportório da artista, entre as quais se destacam Ana Moura, Carminho, António Zambujo, Camané, Gisela João e Ricardo Ribeiro.

Tendo em conta a realidade popular do fado não hesitou em aliar a este, a tradicional calçada portuguesa, contando com o street artista Vhils para elaborar um retrato de Amália nas ruas de Alfama.

Assim e em conjunto com os calceteiros da Câmara Municipal de Lisboa, a imagem de Amália ganhou vida a cada pedra colocada milimetricamente entre no chão e uma parede do bairro mais típico da cidade.

Desde a passada quinta-feira, e após a inauguração da obra pela vereadora da Cultura Catarina Vaz Pinto, que a efígie de Amália pode ser vista em Alfama. Esta será usada como capa do CD de homenagem à artista, que será lançado já a 10 de julho.

No final do ano, será apresentado um documentário, que para Ruben Alves “Não é um documentário explicativo do fado, mas uma maneira de tentar perceber de uma maneira emocional como surgiu na vida destas pessoas. É, por assim dizer, um percurso de emoções”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui