Cella o “bar mais bonito do mundo” foi atingido por uma ondulação que chegou aos 13 metros na passada segunda-feira, situação invulgar e não espera, que danificou diversas estruturas na  na ilha do Pico.

O condecorado Cella Bar, no porto da Barca, na ilha do Pico, foi destruído esta segunda-feira pela força do mar, a ondulação forte que não se espera com tal intensidade, danificou o rés-do-chão do Bar considera um dos “mais bonitos do mundo” pelo portal de arquitectura Archdaily com o Prémio Edifício do Ano 2016.

Segundo informações dadas pelo Instituto Português do Mar e da Atmosfera (IPMA) a ondulação que destruir diversas infraestruturas na Madalena atingiu os 13 metros, uma  conjuntura que “não estava prevista” e que foi “invulgar”.

A forte ondulação marítima, não provocou apenas estragos no Cella mas também causou graves danos na orla da Madalena, na ilha do Pico. Segundo o secretário dos Transportes e Obras Públicas dos Açores, Vítor Fraga, em declarações à Lusa “os galgamentos neste porto são generalizados, ao longo de todo o molhe, chegando inclusive à casa de aprestos e à via de acesso ao porto”.

Afirmou igualmente, “Estamos a fazer o acompanhamento da situação, nomeadamente no porto da Madalena, onde os danos visíveis são no muro de cortina na cabeça do molhe, com o derrube de três módulos”.

O município da Madalena e através de um comunicado deu a conhecer que também o “Museu de Cachalotes e Lulas” foi atingido pela tempestade que provocou “fortes estragos”, especialmente na exposição de lulas de Malcolm Clarke que, segundo José António Soares, presidente da câmara, “está inutilizada”.

Segundo informações dadas nas suas redes sociais, o Cella Bar reabriu portas este sábado, depois de dias para recuperar os estragos.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui