O irmão da atriz foi visto no funeral a transportar uma urna de porcelana em forma de comprimido do conhecido antidepressivo Prozac.

Há quem garanta que este episódio é a prova de que o sentido de humor da ‘Princesa Leia’, de ‘Star Wars’, continua vivo e bem presente no dia a dia dos familiares e amigos que deixou a 27 de dezembro último, vítima de um ataque cardíaco.

As cinzas da atriz Carrie Fisher, segundo informam várias publicações norte-americanas, foram depositadas numa urna de porcelana em forma de um conhecido antidepressivo.

A peça, a imitar um comprimido de Prozac, um modelo único feito na década de 50 do século passado, foi transportada por Todd Fisher para o memorial privado de homenagem conjunta à sua irmã e à mãe de ambos, a também atriz Debbie Reynolds, que faleceuenquanto tratava do funeral da filha.

The urn for Carrie Fisher’s ashes is a giant prozac pill.
She’s still better than all of us. http://www.hollywoodreporter.com/news/carrie-fishers-urn-is-a-huge-prozac-pill-961625 

“O objeto favorito de Carrie sempre foi esse comprimido gigante de Prozac que ela comprou há muitos anos”, explicou o irmão da atriz, que ficou conhecida por ter sempre falado abertamente sobre os seus problemas mentais, incluindo a sua bipolaridade.

“Sou uma doente mental, não tenho vergonha de assumir isso. Consegui sobreviver a isso”, assumiu Fisher em tempos, numa entrevista.

// Move

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui