criminalidade2012A criminalidade registada aumentou entre 2005 e 2011, período em que o pessoal a trabalhar nas polícias e na investigação também subiu, mas menos, tal como cresceu o número de magistrados, revelou hoje o INE.

Segundo os Indicadores Sociais de 2011, divulgados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), entre 2005 e 2011 o aumento da criminalidade foi de 5,2 por cento (%), enquanto o pessoal ao serviço nas polícias e outras entidades de apoio à investigação subia 1,5%.

Porém, os números referentes ao ano passado, na comparação com 2010, dão conta de uma queda de 2,1% dos crimes registados pelas autoridades policiais, para 415.193, principalmente devido às descidas nos crimes contra pessoas (5,5%) e contra a vida em sociedade(7,7%).

No período 2005-2011 o número de magistrados judiciais cresceu 7,3% e de magistrados do Ministério Público 21,3%, mas o número de funcionários de Justiça caiu 11,6%.

NOTICIA: LUSA - Agência de Notícias de Portugal, S.A.
FOTO:RUI MINDERICO/LUSA
COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui