Depois de uma etapa que terminou com uma forte chuvada em Belèn, na Argentina, hoje foi a vez do calor extremo marcar mais uma jornada da edição de 2016 do Dakar.

Hélder Rodrigues foi o sexto piloto a largar para a etapa de hoje, fruto de idêntica posição alcançada na véspera. Cumpriu na integra os 285 quilómetros cronometrados, pese o facto de que, para a maioria dos concorrentes, a prova ter sido interrompida em CP2 e de acordo com informação disponibilizada pela organização, mas ainda não refletida nas classificações, apenas será contabilizado o tempo que os pilotos efetuaram até CP1.HR7

“Para o dia de hoje estava também apostado em atacar mas cometi um pequeno erro no início. Caí e torci o volante e o punho do acelerador, o que tornou tudo ainda mais difícil. Mesmo assim tentei vir sempre a puxar para não perder tempo. Eu e os outros pilotos da frente fizemos esta etapa toda e era bem difícil. Mas estou feliz por ter chegado e ter terminado mais um dia de rali”, referiu o piloto da equipa oficial da Yamaha em Belén.

A jornada de hoje, em conjunto com a de amanhã compõe a segunda etapa maratona deste rali e até à partida de amanhã os pilotos poderão preparar as suas motos mas sem qualquer ajuda externa. Com 278 quilómetros cronometrados a especial da etapa de amanhã arranca numa formato inédito de “Super Especial” envolvendo ao 10 mais rápidos das motos e dos automóveis de hoje e ainda os 5 melhores camiões.

Veja o vídeo 2016 Dakar Rally Has Kicked Off: https://www.youtube.com/watch?v=031XrFVOv5Y

 

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.