O XIX Mundialito de Futebol de Praia está à porta e com ele chegarão a emoção, diversão, entretenimento e espetacularidade ao areal português, pelo 18.º ano consecutivo.

Depois de uma primeira edição ‘fora de portas’ (o Brasil organizou o primeiro torneio em 1994), as praias lusitanas passaram a ser o local escolhido para acolher a prova que, todos os verões, reúne as melhores seleções de Futebol de Praia do Mundo.

O norte do país acolhe, pelo segundo ano consecutivo, esta mostra da modalidade e abre portas aos adeptos cada vez mais entusiastas.

A Equipa das Quinas, que procura recuperar o título que deixou escapar no ano transato diante de Espanha, terá pela frente as formações do Japão – que marca presença no torneio pelo segundo ano consecutivo -, dos EUA – que regressa após três anos de ausência -, e da Hungria que se estreia nesta prova.

Serão três dias de competição, de esforço e empenho num torneio que se assume como um espaço de preparação privilegiado para as equipas que nele participam.Mário Tavares - iPressGlobal-618

A seleção das Quinas começa por defrontar a Hungria (25.07.2014) seguindo-se os EUA (26.07.2014) e finalizando o Mundialito com o Japão (27.07.2014).

Portugal é o mais sério candidato ao título, no entanto existe grande expectativa em relação ao Japão, depois de no ano passado este conjunto ter demonstrado grande qualidade de jogo e jogar de forma aguerrida.

A par do Mundialito, a praia da Baía em Espinho, acolherá pela primeira vez na história do futebol de praia, um torneio feminino entre os dias 23 e 25 de julho. A iniciativa contará com o contributo da Seleção Nacional feminina de Futebol de Praia – a primeira criada em solo luso -, bem como das formações da Inglaterra e da Suíça.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.