A representante lusa na ginástica artística nos Jogos Olímpicos obteve este domingo a melhor participação de sempre de uma ginasta portuguesa na prova ao ser 37.ª no ‘all-around. No entanto, o resultado foi insuficiente para chegar à final do concurso completo.

Filipa Martins, de 19 anos, superou o 53.º lugar obtido por Zoi Lima em Londres 2012, tendo concluído a prova com um total de 54.298 pontos.

A melhor pontuação da ginasta lusa foi alcançada na trave, com 13.833, seguindo-se os 13.660 nas paralelas assimétricas, os 13.433 no solo e os 13.336 no cavalo.

No final da competição, a portuguesa admitiu ter feito uma boa prova: “Foi uma prova muito positiva, correu bem no geral, dei o meu máximo. Houve uns pormenores que não correram tão bem, mas no geral foi uma boa prova e uma boa experiência”.

A atleta do Sport Clube do Porto afirmou ainda que esta “é uma experiência não muito diferente do Mundial”, mas que “são sempre uns Jogos Olímpicos, um dos objetivos que todos os atletas têm”.

Nas redes sociais, Filipa agradeceu o apoio e confessou ter realizado um sonho à margem das adversidades dos últimos tempos.

Que dia fantástico com tanta emoção. Adorei estar dentro daquele pavilhão, cheio de gente a apoiar, foi lindo! Não tenho palavras para dizer o que sinto neste momento”, afirmou.

“Foram anos de treino para um grande sonho e objetivo. Depois de todos os obstáculos e de todos aqueles que duvidaram, hoje fiz uma prova espetacular, representei Portugal no maior evento desportivo e não poderia estar mais contente e satisfeita com a prestação. Foi uma caminhada dura e longa, não foi fácil e tenho de agradecer a todos aqueles que tornaram tudo isto possível”.

“A lesão que tive foi má, as condições que tinha para treinar perante a lesão não eram as melhores…. Não consegui treinar como queria, porque não sou pessoa de me contentar com pouco ou desistir continuei a lutar treino a treino, com calma e sempre focada … Foi um período difícil pois queria estar no meu melhor, por isso hoje depois deste dia e desta prova, tenho um orgulho imenso de representar o meu país, de ter conseguido fazer uma prova limpa, sem grandes falhas e sentir a grande emoção de estar outra vez num pavilhão gigante e cheio de gente linda a apoiar”.

“Muito obrigada a todos pelas lindas mensagem de apoio que me foram mandando acreditem que vocês são a minha força para continuar a lutar. Hoje realizei um sonho! Lutamos juntos e conseguimos! Muito, muito obrigada. Adoro-vos a todos!”, concluiu.

ZAP / Move

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.