Disputou-se este sábado no Porto a Corrida Vip, inserida no Grande Prémio Histórico do Porto em automobilismo, com a participação de várias personalidades de diversas áreas, nomeadamente da política, televisão e do desporto.

Durante a manhã teve lugar a prova de qualificação, ficando desde logo a sensação que iria ser uma corrida amadora levada muito a sério, prova disso mesmo foi o pequeno toque numa gincana envolvendo Cláudia Jacques e André Villas Boas.

No final da manhã estava então a grelha de partida decidida, com a “camisola amarela” entregue ao ex-ciclista Cândido Barbosa, que mostrou que também sabe andar, e bem, em 4 rodas!

Ao final da tarde teve lugar a tão esperada corrida, com Cândido Barbosa à frente do pelotão, algo que é não novidade para ninguém, e no final da 1ªvolta confirmou que estava ali para ganhar, começando a deixar os seus perseguidores a alguns segundos de distância.
Cândido manteve-se sempre agressivo na sua condução mas com total controlo e voltou a mostrar o seu desportivismo e fair-play com que nos habitou no ciclismo na última volta, quando levantou o pé do acelerador junto à traseira do último carro antes de receber a bandeira axadrezada. Em 2º lugar terminou o político Álvaro Castello-Branco e a fechar o pódio ficou o treinador de futebol André Villas Boas.

De salientar a boa disposição e a grande competição evidenciada pelos restantes pilotos, entre eles Dr Rui Rio, Presidente da Câmara Municipal do Porto, o treinador Domingos Paciência, o ex-guarda-redes Neno, o jornalista Carlos Daniel entre muitos outros.

No domingo o Grande Prémio Histórico do Porto continua com outras corridas, no mítico Circuito da Boavista e enquanto essa hora não chega, fica o relato fotográfico deste maravilhoso dia de sol com o brilho das máquinas a rolar no alcatrão!

REPORTAGEM E FOTOS: MÁRIO TAVARES - iPressGlobal
mario.tavares@ipressglobal.com
COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.