O FC Porto aproveitou da melhor forma o deslize do AD Valongo e, mercê da vitória diante da Juventude Viana, assumiu a liderança no campeonato nacional.

A Juventude Viana viajou até ao Porto, fortemente moralizada depois de a meio da semana ter vencido o Benfica, e talvez por isso o FC Porto Fidelidade entrou na partida com um ritmo atacante frenético, salvaguardando uma eventual surpresa. À passagem do minuto 10, os portistas abriram o marcador e fizeram 2 golos de rajada, materializando o forte caudal ofensivo e transmitindo maior expressão ao domínio azul e branco. A equipa minhota limitava-se até então a defender de forma organizada e praticamente abdicava de atacar.

Ainda assim e contra a corrente do jogo, a Juventude Viana reduziu a 6 minutos do intervalo para 2-1, mas logo de seguida Vítor Hugo aumentou de novo a diferença, colocando justiça no resultado ao intervalo, 3-1.

08032014-IMG_2318A segunda parte começou com o quarto golo do FC Porto, logo aos vinte segundos, e pareceu sentenciar o jogo. Todavia, a Juventude de Viana voltou ao jogo e iniciou uma fantástica recuperação, chegando ao empate (4-4) aos 42 minutos, com 3 golos do internacional Luís Viana, que voltou a mostrar ser um dos melhores jogadores nacionais. Mas ainda os minhotos festejavam o empate, e já os Dragões passavam de novo para a frente do marcador, com um golo de Jorge Silva. A partir desta fase, os portistas, com muita raça, não permitiram mais nenhum atrevimento ao adversário, aumentando a contagem por duas vezes e cumprindo a sua missão, ao vencer por 7-4.

Na ronda 20 do campeonato, destaque para a derrota em casa do AD Valongo perante o Turquel por 2-3, perdendo a liderança do campeonato para o FC Porto, fruto da vantagem dos portistas no “goal-average”.

Este slideshow necessita de JavaScript.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.