No próximo dia 28 de março, a cidade do Porto vai ver nascer o Mercado da Arte que promete animar o centro histórico da cidade. O evento arranca no mesmo dia em que se comemora o dia Nacional dos Centros históricos.

 O Mercado da Arte será mais do que um local onde os artistas poderão expor a sua arte. O largo do Redondelo, junto à Sé, encher-se-á de exposição e venda de pintura, gravuras, fotografia e workshops para os visitantes. Todos os meses, ao fim de semana, a cidade abrirá portas ao evento que, enquanto o tempo o permitir, será realizado ao ar livre.

As inscrições para a primeira edição terminam dia 22, podendo participar todos os candidatos selecionados pelo júri, segundo um custo de inscrição. Engana-se quem pensa que este é um Mercado apenas para alguns, podem participar desde artistas desconhecidos a consagrados, ateliers de arte e até estudantes desta área.

Para esta 1ª edição as expectativas são altas, espera-se uma grande afluência de público nacional e também estrangeiro, que poderá adquirir peças que irão desde os 2,50€ aos 200€.

Esta é mais uma, das diversas, iniciativa para atrair turismo, dando vida à cidade, mas também um modo de divulgar a arte que se faz por cá, podendo criar-se boas oportunidades de negócio entre os participantes.

O Mercado da Arte é já uma realidade em diversos países como Barcelona, Paris, Amesterdão e Londres, o que revela o grande interesse das mesmas pela divulgação dos seus artistas. Portugal segue-lhes os passos, pelas mãos da cidade do Porto.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.