O líder norte-coreano, Kim Jong-un, alertou hoje que a península poderá ser palco de um desastre nuclear se voltar a estalar a guerra entre as duas Coreias, avisando que os Estados Unidos não estarão a salvo nessa situação.

Kim Jong-un fez este comentário num discurso televisivo, na sua mensagem de ano novo, onde comentou também a recente execução do seu tio, Jang Song-thaek.

O líder norte-coreano considerou que a morte do seu tio constituiu uma “ação resoluta” do seu governo, classificando-o como “escória”.

“O nosso partido tomou uma ação resoluta em remover escória que estava no partido no ano passado”, disse o governante, na sua mensagem de ano novo, transmitida pela televisão, acusando-o de estar a criar uma base de apoio autónoma.

Lusa

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.