Miguel Oliveira cruzou hoje a linha da meta na 9ª posição, tendo, assim, conseguido o seu melhor resultado até ao momento na sua época de estreia no Moto2. O rookie da Leopard Racing partiu da 14ª posição e, mais uma vez, demonstrou ter ritmo para estar ao lado de pilotos com larga experiência na categoria.Naquela que foi uma corrida difícil, o jovem luso que esteve em luta num grupo muito aguerrido, conseguiu defender muito bem a sua trajectória e terminar a corrida no 9º lugar. A sua consistência foi, uma vez mais, evidente e o seu ritmo foi, também, semelhante ao da “cabeça da corrida”(1’38,001). Recorde-se que para este fim-de-semana o piloto traçou como meta terminar a corrida dentro dos pontos; um objetivo superado com grande distinção, quando o seu colega de equipa se ficou pela 19ª posição.

Miguel Oliveira (Leopard Racing):“Hoje não foi uma corrida fácil. Fizemos uma pequena alteração na suspensão frontal no warm-up. Na corrida o vento tornou-se mais forte e não consegui ser tão rápido como ontem. Estou contente porque este era o resultado que desejávamos: terminar a corrida. Este é o meu primeiro top 10 em Moto2 e quero recuperar energias para em Mugello conseguir mantê-lo”.

A corrida foi ganha por Alex Rins , acompanhado no podio por Simone Corsi e Thomas Luthi.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.