As primeiras impressões dos seis pilotos presentes em relação ao mais recente circuito de MotoGP™  foram bastante positivas depois dos testes desta segunda-feira, apesar da chuva que caiu este primeiro dia.

Mika Kallio (KTM RC16) – Utilizando o mais recente chassis da KTM,  foi o primeiro a rodar na pista e a saudar os fãs que ocorreram ao circuito para testemunharem a estreia em acção da categoria rainha. na Finlândia, pela primeira vez desde 1982.

Mika Kallio: “Penso que para todos, correr em casa é algo absolutamente especial,  fui o primeiro a sair com a máquina de MotoGP™ hoje, por isso foi bom ser o primeiro a fazer entrar em pista. Algumas partes da pista são bastante lentas, especialmente nestas condições, pista nova e com água … estava bastante escorregadia certamente com tempo  seco teremos impressões mais concretas de como será em condições de corrida. ”

Bradley Smith (Aprilia) – foi o seguinte a sair para a pista,  sendo o piloto britânico o mais rápido até à hora de almoço, com a primeira volta em  dois minutos.

Bradley Smith: “Esta é uma pista diferente, muito diferente de tudo que já vimos antes, bastante apertada e sinuosa e um pouco lenta em alguns lugares, mas também temos zonas deste tipo em  Silverstone,  é toda plana e às vezes é bom ter algo  totalmente diferente. Como temos três categorias diferentes e não apenas o MotoGP™, penso que as cilindradas mais pequenas vão encaixar-se bem nesta pista de corrida. Vamos ver o amanhã. Há muitas curvas aqui que dificultam a vida aos pilotos, é um desafio técnico.

Michele Pirro (Ducati) e Stefan Bradl (Honda) saíram juntos, com Bradl a dar continuidade ao desenvolvimento do chassi reforçado com carbono da Honda, mas também a ser o primeiro piloto a cair em  KymiRing ao cair na ultima curva sem danos para o piloto.  O alemão foi visto com  uma nova caixa de velocidades que equipava as duas motas presentes na sua box e muito semelhante à que foi vista no início de 2019 aquando do Teste Oficial de Sepang.

Stefan Bradl: “Infelizmente não tivemos sorte com o tempo, que foi o maior problema hoje. Espero que amanhã esteja seco e possamos ter mais impressões desta pista de corrida. É uma pista muito interessante, foi bom dar algumas voltas no molhado e até agora tudo bem! Estou ansioso para amanhã porque haverá melhores condições e acho que será melhor para todos – espectadores e  pilotos, vamo-nos divertir mais e aproveitar a atmosfera aqui.

Michele Pirro: “É uma pista muito boa, mas difícil de entender nestas condições! Espero que as condições sejam melhores amanhã a seco, que também é importante. A primeira parte é rápida e muito boa, a segunda parte é lenta, mas interessante, gostei. Espero que amanhã possamos dar algumas voltas no seco, mas é uma ótima pista para o MotoGP™. ”

Sylvain Guintoli (Suzuki), e Jonas Folger (Yamaha) foram os últimos a testar o KymiRing no final do dia, esperando melhorias climatéricas para poderem rodar mais tempo amanhã.

Sylvain Guintoli: “A primeira parte é boa, gosto muito das curvas 1 e 3, a descer e a subir onde tens de travar antes da reta. Gosto muito da  Finlândia, nunca estive antes, foi bom  visitar a pista, como gosto do campo,  estou feliz por estar aqui! ”

 

 

 

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui