Os pilotos  Álvaro Bautista e Stefan Bradl  têm demonstrando progresso impressionante, como prova   o resultado que a dupla fez no Grand Prix Motul do Japão – um Top ten,  com  Bautista na sétima  posição e com  várias aparições na Q2, no ano em que a fábrica de Noale assumiu que iria testar e competir em simultâneo.

Álvaro Bautista (Aprilia Racing Team Gresini) : . “Uma boa corrida e o melhor resultado até ao momento com a Aprilia É claro, as quedas nos ajudaram a ganhar posições, mas isso faz parte da aprilia-bautistacorrida.  Estou especialmente satisfeito com o trabalho realizado neste fim de semana.. Depois de não ter boas sensações na sexta-feira, fomos capazes de recuperar, passando para Q2 . Mostramos que podemos ser rápidos em pistas com características muito diferentes:. de Misano, com curvas encadeadas, a  Motegi com grandes travagens e acelerações brutais. Demonstra que demos um passo em frente em todas as frentes. vamos tentar confirmar isso nas próximas corridas. quero terminar a época da melhor maneira possível “.

Stefan Bradl (Aprilia Racing Team Gresini) : “Não estou totalmente satisfeito com a corrida de hoje nem com o décimo lugar. O nosso potencial apontava para um melhor resultado. Infelizmente, perdi algumas posições no arranque, e durante a corridanão encontrei as mesmas sensações na travagem que  tive nos treinos. por isso,  cometi alguns erros que certamente nos custaram algumas posições. De qualquer modo, estar no top-10 é importante para dar continuidade a nossa tendência positiva. Trabalhamos bem durante todo o fim de semana e  queremos fazer o mesmo em Phillip Island “.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui