foto: ALPHA ONE MEDIA / CHRISTOPHER REEVES

Num dia marcado por condições climatéricas instáveis Miguel Oliveira encerrou a primeira jornada do GP da Áustria numa muito positiva 11ª posição, abrindo novamente excelente perspectivas para estar amanhã entre os lote de pilotos que apuram directamente para a Q2 naquele que é o primeiro fim-de-semana austríaco no mundial MotoGP 2020.

Mostrando mais uma vez bastante consistência e rapidez o piloto da KTM RC 16 fechou o dia a pouco mais de meio segundo do melhor tempo, assinando tal como todos os adversários as melhores passagens aos 4318 metros do Red Bull Ring na primeira sessão de treinos livres, pois na segunda sessão a chuva condicionou os tempos e limitou mesmo o tempo em pista, com Miguel Oliveira a realizar apenas 10 voltas face às 22 da sessãp inaugural.

Miguel Oliveira (Red Bull KTM Tech 3):‘Apesar de tudo foi um dia muito positivo. Com as condições climatéricas tão instáveis naturalmente que queríamos estar entre os dez primeiros em ambas as sessões e conseguimos mesmo atingir esse objectivo durante a manhã. Senti que podia ter sido um pouco mais rápido na primeira sessão, apesar de um pequeno contratempo com os travões, mas acabou por correr tudo bem. Estou desejoso por amanhã para apontar a um bom resultado.’

Amanhã o piloto de Almada regressa ao asfalto do traçado de Spielberg, na região da Styria austríaca para procurar a qualificação directa para a Q2 e posteriormente discutir um lugar nas quatro primeiras linhas da grelha de partida para aquele que é o quarto GP do ano.

Horário (GMT)– Domingo 16 de Agosto

10:00h-   Grelha de partida Moto3™

11:20h- Grelha de partida Moto2™

13:00h- Grelha de partida MotoGP™

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui