Enorme surpresa na equipa KTM tendo em vista a próxima temporada. Quando tudo levava a crer que seria o jovem Iker Lecuona a assumir o lugar de Johann Zarco na formação de fábrica, a marca austríaca surpreendeu ao anunciar ao início desta noite que, afinal, essa vaga será preenchida por Brad Binder, sul-africano atualmente no Moto2 e que inicialmente tinha prevista a sua entrada no campeonato principal via Tech3, onde voltaria a ser colega de Miguel Oliveira.

Quanto ao português, e pese embora estar a ser um dos pilotos mais elogiados pela crítica especializada, nada muda para 2020, mantendo-se como piloto da formação secundária sob a ‘proteção’ de Herve Poncharal, mas agora tendo ao seu lado o ‘miúdo’ Lecuona, de apenas 19 anos. Quanto ao outro piloto da KTM oficial, continuará a ser Pol Espargaro.

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui