Após um desempenho fantástico no Grande Prémio da Argentina, o piloto português de MotoGP já se encontra em Austin, Texas, com o objetivo de continuar a melhorar a bordo da sua KTM RC16. Miguel Oliveira pretende continuar dentro do percurso positivo que tem vindo a percorrer e trazer do Circuito das Américas mais pontos que o permitam manter-se dentro do TOP 15 do campeonato mundial de motociclismo.

Depois de terminar na décima primeira posição na Argentina, o piloto pretende agora manter os seus objetivos e continuar a dar seguimento a este bom momento da sua carreira.

Miguel Oliveira (Red Bull KTM Tech3): “O Circuito das Américas é muito particular. Penso que esta seja a pista com mais curvas em todo o campeonato. É muito longa, turbulenta, cheia de altos e baixos e,  por isso, torna-se uma pista muito divertida de se fazer e estou certo que guiá-la na minha KTM RC16 vai ser fantástico! Neste momento, estamos a trabalhar para consolidar a nossa posição, de modo a que possamos pontuar, daqui em diante, de uma forma mais sólida. O objetivo em Austin é pontuar de novo e continuar a melhorar a performance da moto e da minha condução. Queremos muito continuar a melhorar a cada dia que passa. Estou muito entusiasmado por este grande prémio!”

Hervé Poncharal (diretor de equipa):”O próximo grande prémio, nos Estados Unidos da América, em Austin, é sempre especial. Esta é uma pista muito interessante e difícil de dominar e entender. Contudo, com o desempenho muito forte e a boa sensação que toda a Red Bull KTM Tech3 teve na Argentina, penso que todos chegamos aqui ao Texas com muito otimismo, muita energia e com uma vontade de continuar a crescer, para continuarmos a ajudar o projeto da KTM MotoGP também a progredir. Existe uma atmosfera positiva dentro do grupo KTM MotoGP. Foi emocionante e interessante ver o Pol (Espargaró) e o Miguel a desafiarem-se um ao outro – esta é a melhor chave para o desempenho. No final do dia, o desempenho é o que é preciso para desenvolver uma moto. Eu acredito e espero que o Miguel e o Hafizh mostrem o seu melhor perfil, tal como fizeram na Argentina, também aqui no Texas e que continuemos com a nossa missão, a qual passa por reduzir a lacuna para os melhores pilotos em todos os grandes prémios. Temos um GP interessante à nossa frente no Texas. Todos tiveram uma semana para descansar e portanto vamos estar a 100% e prontos para enfrentar este desafio!”

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui