O novo filme de Leonel Vieira, baseado no antigo “ Pátio das Cantigas”, estreou a 30 de julho e já se revela um vencedor de bilheteiras.

O “Pátio das Cantigas”, surge este verão como uma homenagem ao cinema português, e ao qual se seguirá a recriação do  O Leão da Estrela (1947), de Arthur Duarte e A Canção de Lisboa (1933), de Cottinelli Telmo.

O filme de 1942 serviu de base a Leonel Vieira que acabou por criar uma comédia dos nossos tempos, onde os papéis principais de Narciso e Evaristo, são hoje representados por César Mourão e Miguel Guilherme.

Entre os actores fazem parte do cartaz Rui Unas, Dânia Neto, Sara Matos, Cristóvão Campos, Manuel Marques, Anabela Moreira, Bruna Quintas, Manuel Cavaco, José Pedro Vasconcelos e Aldo Lima. A comédia conta ainda com a participação especial de Oceana Basílio, Herman José e Vanessa Oliveira.

A comédia está entre os 10 filmes portugueses mais visto da década e promete chegar ainda mais longe, uma vez que só está em exibição há uma semana.

Segundo os dados estatísticos semanais do Instituto do Cinema e Audiovisual (ICA), o filme registou 134.955 espectadores e cerca de 693.000 euros de receita bruta de bilheteira, desde o dia de estreia.

Na primeira semana de exibição este filme apenas ficou atrás do  Mínimos que registou 217 mil espectadores.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui