Por certo muitos dos leitores se terão esquecido já do famoso nome daquele que deu de ganhar tanto dinheiro a muita gente (máxime Al Gore, o antigo vice-presidente dos Estados Unidos no tempo de Bill Clinton). Este foi o nome dado a um “Fenómeno Meteorológico” que provocaria uma seca no planeta, que em  pouco tempo faria com que não houvesse água, no dizer de alguns, nem sequer para beber.

Lembro-me de quando vivia na Califórnia, não ter autorização para lavar o carro, pois essa água iria fazer falta para algo mais importante! Com essa teoria o nosso amigo Al Gore ganhou milhões em conferências que proferia mundo fora e agora pergunta-se, onde está ele e outros que como ele, nos amedrontavam, com tanta ciência?

Era altura para os convidarmos a vir proferir palestras na zona do Alviela ou outras por todo o País e mergulhá-los nas ruas em cujas águas as casas veem os recheios danificados, para não falar das próprias casas que ficam com os alicerces à vista de todos e cujos proprietários as têm que abandonar!

Será que este virar de página teve lugar com a trovoada que se abateu sobre o vaticano e cujo raio (raio que os parte direi eu),virou o estado do tempo? É que agora temos o recém-nomeado papa a dizer textualmente: “Cristo venceu o mal de forma plena e definitiva e cabe aos homens de todas as épocas receber esta vitória na sua vida e na realidade concreta da história e da sociedade”. Esta foi a “oração Regina Coeli”, que substituiu a “Angelus”. Ora, não sabendo eu italiano, assemelha-se-me aquele “Coeli” a um outro que já cá temos e que, valha-nos isso, não se pretende equiparar a Cristo.

Para não me alongar mais, basta-me pedir a Deus ou a Jesus, que abra os olhos à Humanidade toda e expulse da face da Terra estes impostores, quer sejam eles Gore, Francisco ou quaisquer outros!

DG
Opinião Global**Por Dominick George**13/04/2013
dominick.george@ipressglobal.com |

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui