O presidente da Rede Europeia Anti-Pobreza afirmou que o Orçamento do Estado deixará Portugal com “mais de três milhões de pobres”. É 30% da população, mas há vozes que defendem que será muito mais que isso.

Ninguém arrisca dizer qual será o número de pobres que Portugal terá em 2013 porque, alerta Ana Cardoso, do Centro de Estudos para a Intervenção Social, “será maior do que os indicadores medem”. Mais de três milhões? “É possível”.

Redação iPressGlobal

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui