O queniano Geoffrey Mutai renovou este domingo o título de campeão da maratona de Nova Iorque, numa prova em que a portuguesa Dulce Félix desistiu.

Dulce Félix, que tinha sido quarta na edição de 2011, acabou por desistir na prova de domingo, numa corrida ganha a queniana Priscah Jeptoo.

Na corrida masculina, Mutai, que havia ganho a última edição da prova, em 2011, cortou a meta colocada no Central Park com o tempo de 2:08.24 horas, mas não conseguiu bater o seu próprio recorde de há dois anos (2:05.06 horas).

O etíope Tsegaye Kebede, vencedor da maratona de Londres, ficou no segundo lugar com mais 51 segundos do que o vencedor, tendo o sul-africano Lusapho April cortado a meta na terceira posição com mais 1.21 minutos.

Mutai esteve sempre no grupo da frente, do qual se destacou no último quarto da prova com o seu compatriota Stanley Biwott, mas nos derradeiros quilómetros isolou-se para cortar solitariamente a meta no Central Park.

Na categoria feminina, Priscah Jeptoo impôs-se com o tempo de 2:25.07 horas, menos 49 segundos do que a etíope Bizunesh Deba. O terceiro lugar foi para letã Jelena Prokopcuka com 2:27.47 horas.

A maratona de Nova Iorque não se realizou em 2012 em virtude dos danos causados pelo furacão “Sandy”. Este ano foi retomada, embora com fortes medidas de segurança, na sequência dos atentados com bombas que mataram três pessoas em abril de 2012, na chegada da maratona de Boston.

Lusa/foto:Pedro Nunes/LUSA

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.