Uma relíquia religiosa, um frasco que contém  sangue do papa João Paulo II, foi roubada de uma igreja no centro da Itália  e a polícia lançou uma operação para encontrá-la, divulgaram hoje os meios  de comunicação italianos.

O frasco foi roubado na semana passada, juntamente com uma cruz, da igreja  de São Pedro de Ienca, numa zona montanhosa da região de Abruzzo, centro  da Itália, onde João Paulo II, que faleceu em 2005, gostava de caminhar  e esquiar, segundo o jornal ‘La Repubblica’.

Cães treinados participam nas buscas pela relíquia e o procurador de  Aquila abriu um inquérito para averiguar o caso.

Segundo Pasquale Corriere, presidente da associação cultural de São  Pedro de Ienca, citado pela agência italiana Ansa, só existem no mundo três  frascos contendo o sangue de João Paulo II.

Um outro relicário contendo sangue do papa polaco falecido já havia  sido roubado em Agosto de 2012, mas foi recuperado algumas horas mais tarde.

João Paulo II e o papa João XXIII serão canonizados a 27 de Abril, numa  festa única no Vaticano, anunciou em Setembro o papa Francisco.

Lusa

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.