foto : WEF

As expectativas de juros mais baixos na zona euro já levaram as taxas Euribor a novos mínimos. Segundo o Jornal de Negócios, a taxa de juro do crédito à habitação vai ser negativa até cerca de junho de 2025, mais um ano do que o que era esperado em julho.

A Euribor não voltará a negociar acima do zero antes de completar dez anos de taxas negativas. “Os contratos futuros da Euribor surgem negativos até meados de 2025, com o mercado a antecipar a manutenção das taxas de juro na Zona Euro em mínimos por um longo período”, avança o diário económico.

Depois de Mario Draghi, presidente do Banco Central Europeu (BCE), ter anunciado novas medidas de estímulo da economia e um corte da taxa dos depósitos de 10 pontos base, para os 0,5%, as expetativas do mercado relativamente ao regresso da Euribor a terreno positivo foram adiadas e os contratos futuros do indexante do crédito à habitação surgem negativos até meados de 2025.

O regresso à descida dos juros “vem mais uma vez adiar a expetativa de uma normalização dos indexantes do crédito, que estão em valores negativos desde 2015”, adianta ainda o matutino.

Antes da intervenção de Draghi, na quinta-feira, os contratos de futuros antecipavam que a Euribor voltasse a ser positiva em 2024, nove anos depois de ter entrado em valores negativos. Agora, estes futuros passaram a ser negociados em terreno negativo por mais um ano.

As expectativas de juros mais baixos na zona euro já levaram as taxas Euribor a novos mínimos. Segundo o Jornal de Negócios, o valor histórico de -0,399% foi atingido a 21 de agosto.

ZAP //

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui