A vaga de calor que há várias semanas atinge a Índia provocou a morte a mais de 2.000 pessoas, anunciaram hoje as autoridades.

Os estados de Andhra Pradesh e de Telangana, no sul do país, são os mais afetados pelo calor e nas duas regiões já se registaram 1.979 mortes atribuídas ao calor. No estado de Orissa houve 17 mortes e mais nove mortes noutros locais, o que eleva o total de vítimas para 2.005.

Em Andhra Pradesh e Telangana, as autoridades lançaram campanhas de informação para ajudar os mais vulneráveis a enfrentarem o calor, por exemplo, bebendo água e evitando estar no exterior. Segundo um responsável pela gestão de catástrofes naturais em Telangana, as temperaturas já desceram ligeiramente e não se registam mortes devido ao calor desde quinta-feira. No total, morreram na região 489 pessoas. “As mortes deverão abrandar nos próximos dias”, confirmou à AFP um responsável de Andhra Pradesh, onde morreram 1.490 pessoas.

As temperaturas máximas rondaram os 45ºC e os meteorologistas em Nova Deli advertiram que as temperaturas tórridas podem continuar em vários estados na próxima semana.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.