foto: ALPHA ONE MEDIA / CHRISTOPHER REEVES

O piloto espanhol está de regresso ao pódio pela primeira vez desde 2019.

Álvaro Bautista (Aruba.it Racing – Ducati) conquistou a segunda vitória do fim-de-semana, depois de ter vencido a Tissot Superpole Race no início de domingo. Dominou a corrida e venceu por uma margem superior a quatro segundos, vitória que apesar de tudo não foi fácil pois teve de lutar no inicio da corrida com o seu companheiro de equipe Michael Ruben Rinaldi(Aruba.it Racing – Ducati), Jonathan Rea (Kawasaki Racing Team WorldSBK) e Toprak Razgatlioglu (Pata Yamaha com Brixx WorldSBK).

Álvaro Bautista (Aruba.it Racing – Ducati):“Esta tarde, as condições da pista estavam diferentes, pois estava muito mais quente. Precisei de entender os limites nessas condições. Mantive-me consistente e consegui vencer de novo. Estou apaixonado por esta mota. Esta foi a melhor maneira de começar o Campeonato!”

Rea terminou em segundo, depois de grande luta com Rinaldi e Razgatlioglu.

Jonathan Rea (Kawasaki Racing Team WorldSBK):“Pensei que poderia ir para a frente e porque tinha um bom ritmo, mas depois vi que seria difícil liderar a corrida. O Alvaro passou-me, o ritmo dele era mais forte. Foi uma corrida divertida com o Toprak e o Rinaldi, com muitas grandes ultrapassagens. Começamos bem a semana, uma vitória e dois segundos lugares. Venha Assen!” 

Razgatlioglu não conseguiu acompanhar  Rea no final da corrida, terminando em terceiro, apesar de diminuir a diferença em relação às duas corridas anteriores.

Toprak Razgatlioglu (Pata Yamaha com Brixx WorldSBK): “Vi que Rinaldi estava a  derrapar muito, então dei de novo o meu melhor para terminar no pódio. Com a terceira posição, levamos muitos pontos para o Campeonato. Acho que voltaremos mais fortes na próxima corrida.”

Rinaldi terminou fora do pódio em quarto lugar, foi ultrapassado por Razgatlioglu o a quatro voltas do fim.

Michael Ruben Rinaldi(Aruba.it Racing – Ducati)“Foi o meu melhor início de temporada nas SBK. Por outro lado, melhorámos durante todo o fim de semana, mas tivemos sempre o mesmo problema. Quando os pneus perdem aderência, a forma de pilotar a mota é completamente diferente e não consigo puxar.”

Lowes recuperou da queda na Corrida 1 e terminou nos cinco primeiros.

Alex Lowes (Kawasaki Racing Team WorldSBK): “Tentei ir com os pilotos da frente. Mas faltavam-me duas ou três décimas para lá chegar de forma consistente, especialmente entre a  5ª à 12ª volta. Consegui desfrutar da moto na última parte da corrida. Nunca é fácil vencer ou subir ao pódio. Não estamos muito longe. É o meu objetivo juntar-me a eles nas próximas corridas.”

O piloto independente Axel Bassani (Motocorsa Racing) terminou em sexto lugar, com uma boa partida ajudou-o a subir na classificação, mas ainda à procura da sua melhor forma de 2021, onde impressionou como rookie. Loris Baz (Bonovo Action BMW) foi o melhor piloto BWM na P7, acabando 0,865s à frente do rookie espanhol Xavi Vierge (Team HRC) e melhor piloto da Honda.

Resultados e Classificações Corrida 2

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui