foto: ALPHA ONE MEDIA / CHRISTOPHER REEVES

Com vontade para reconquistar o titulo de campeão, Rea realizou a volta mais rápida esta sexta-feira no MotorLand Aragon com um tempo de 1m49,301s no Treino Livre 1

Jonathan Rea (Kawasaki Racing Team WorldSBK) : “Focámo-nos em qual pneu poderíamos usar passo a passo para a corrida . Podemos ser rápidos com os dois tipos de pneus, mas amanhã, dependendo da temperatura da pista, determinaremos qual tipo de pneus”.

Terminou o Dia 1 em segundo lugar, apesar de ter melhorado o seu tempo da manhã em dois décimos nos Treinos Livres 2 e liderou a segunda sessão

Álvaro Bautista (Aruba.it Racing – Ducati): “Mudámos a afinação da moto esta manhã porque depois do teste aqui pensámos que podíamos melhorar as sensações com a moto. Mas não me senti tão bem com a nova configuração. No TL2, trocamos a mesma configuração do teste, o que me deu uma sensação melhor. Fiz quase a distância da Superpole Race e o ritmo não foi tão mau. Fizemos a distância de corrida com os dois tipos de pneus e estou muito feliz.

O Campeão das SBK exibiu orgulhosamente o número, foi terceiro no final de sexta-feira, a 0,364s  de Rea.

Toprak Razgatlioglu (Pata Yamaha com Brixx WorldSBK):“Usamos o pneu SCX, mas não ficamos contentes. Esta tarde tentámos uma simulação de corrida, mas depois de 10 voltas, fiquei sem o pneu da frente. Precisamos melhorar este aspeto amanhã para a corrida. Mas a sensação com a traseira é ótima.”

Em quarto da geral

Garrett Gerloff (GYTR GRT Yamaha WorldSBK Team): ” Sinto-me bem. As condições eram um pouco diferentes hoje, mas conseguimos adaptar-nos. Sinto-me confiante de que podemos lutar pelo pódio.”

Terminou entre os cinco primeiros da tarde e em quinto nos tempos combinados

Michael Ruben Rinaldi (Aruba.it Racing – Ducati): “Estou muito feliz com o dia de hoje e, com o pneu de corrida, somos muito rápidos.”

Sexto na geral no final desta sexta-feira;

 Alex Lowes (Kawasaki Racing Team WorldSBK): “O meu ritmo de corrida e minha consistência não estão mal. Se  fizer uma boa partida, e se puder ficar lá por algumas voltas, acho que na segunda parte da corrida posso ser forte.

SBK Motul – Grelha de partida e velocidades máximas 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui