O Mundial de Superbikes chega este fim de semana ao circuito britânico de Donington Park ,  para disputar a 5ª prova, na mesma pista  onde se estreou em 1988, faz agora 26 anos.

Tom Sykes é um dos favoritos, está a correr em casa, foi terceiro nas duas corridas disputadas na época passada. O piloto Kawasaki também se estreou no campeonato na pista de Donington Park em 2008, e terminou em segundo atrás tri-campeão Troy Bayliss,  na altura correu como wild card  pela Suzuki

Tom Sykes: . “Estou desejoso de sair para a pista de Donington Para mim, Monza era um dos circuitos mais difíceis, mesmo considerando que conseguimos ganhar no ano passado e chegar ao pódio nas duas corridas. Donington é um circuito fluido e sinuoso, pelo que espero o melhor da minha Ninja ZX-10. Praticamente não existem retas nesta pista, pelo que devemos estar bem, aliás este circuito sempre foi um dos meus favoritos No ano passado liderei a maior parte da duas corridas pelo que acho que pode ser um bom fim de semana para mim e para a minha moto. ”

Para o piloto Aprilia, Laverty, o circuito de Inglês não é um dos seus favoritos. Laverty, em 2011 caiu na quarta volta e na segunda manga  foi decimo quarto, enquanto que em 2012 sofreu um problema mecânico que o relegou para o décimo quinto lugar na primeira manga, e na segunda caiu. Em 2009, foi o quinto na corrida de Supersport.

O outro piloto Aprilia, Sillvain Guintoli foi o oitavo e quinto nas duas corridas do ano passado, enquanto que em 2011 foi décimo primeiro nas duas corridas devido a dores na mão direita e no tornozelo esquerdo, que tinha fraturado na prova inaugural da época em Phillip Island.

O inverso se passa para Marco Melandri, que em 2011 conseguiu a sua primeira vitória no campeonato na primeira corrida  e um segundo lugar na segunda com uma Yamaha, marca que infelizmente não participa neste campeonato. No ano passado, obteve a primeira vitória com a BMW e, na segunda corrida quando ia no segundo posto, foi a vítima do incidente entre Leon Haslam e Jonathan Rea. Haslam caiu, depois de um toque de Rea e na sua queda levou Melandri..

Marco Melandri: “Na verdade, adoro Donington Aqui consegui a minha primeira vitória nas Superbike com a Yamaha em 2011, e também a primeira vitória para a história da BMW no ano passado. Este circuito é muito técnico e bastante diferente de Monza…  em Donington nunca metes a sexta velocidade, algo que fazes três vezes em cada volta em Monza. As duas chicanes na parte final de Donington parecem ter sido colocadas para evitar fugas. As vitórias são sempre muito disputadas e, se não chover, vão ser corridas muito emocionantes.

Chegamos em Donington numa  melhor posição  que no ano passado, mesmo não tendo tido um começo de época perfeito. Em Monza voltei a encontrar-me em sintonia com a  S 1000 RR. Agora posso andar mais ao meu gosto e ser mais competitivo. Estou ansioso para correr em Donington, porque me sinto otimista. Quero lutar pelo pódio em todas as corridas e, se possível, ganhar. ”

Finalmente, Carlos Checa, que ganhou uma corrida e terminou em segundo na outra, em 2011, regressa à competição após a lesão que o impediu de participar na corrida de Monza.

Carlos Checa: “Depois de ter sido forçado a perder as corridas de Monza, estou ansioso para voltar a correr em Donington. Tenho trabalhado no duro para recuperar a minha forma física e segui os tratamentos recomendados pelos especialistas. Sinto-me  muito mais forte e eu sou otimista para as próximas corridas. ”

Horário WSBK Donington Park

22.15h – 1ª corrida –  Domingo Eurosport

23.00h – 2ª corrida –  Domingo Eurosport

Fonte : SBK

Desporto motorizado de duas rodas **Por Mário Andrade e António Vermelho **25/05/2013** mandrade@ipressglobal.com

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui