Um fim de semana perfeito para Chaz Davies que fez a pole position, a volta mais rápida na corrida e fez história em Laguna Seca- California, ao conseguir a  primeira dupla vitória para a  Ducati Panigale.

Após vários dias de Sol escaldante  na Califórnia, o dia começou com trovões e cpole2huva da à semelhança do que várias vezes aconteceu  quando o mundial visita o AIA de Portimão.

No warm up foi Jonathan Rea (Kawasaki Racing Team) o mais rápido, com o piso molhado a juntar-se a um asfalto pouco aderente,  mas felizmente o boletim meteorológico dava sol e piso seco para a  corrida 1.

Chaz Davies (Aruba.it Racing – SBK Ducati Team)  fez um arranque perfeito, e com a faca nos dentes, à  5ª volta já tinha uma vantagem de 1.6seg. que manteve até ao final da corrida, para o grupo de perseguidores Tom Sykes e Jonathan Rea (Team Pedercini Kawasaki ZX-10R), incapazes reduzir a diferença para a Ducati Panigali, sem ordens de equipa, lutaram sem quartel até ao fim, com Rea a mostrar-se mais fuido como é apanágio da sua condução, mas com as travagens de Sykes a fizerem a diferença.

Davide Giugiano (Aruba.it Racing – SBK Ducati Team) terminou um quarto, depois de uma ultrapassagem de cortar a respiração no saca-rolhas Jordi Torres (Aprilia Racing Team – Red Devils) que terminou a corrida em quinto.

Leon Haslam (Aprilia Racing Team – Red Devils),  celebrava  a corrida número 200, caiu na famosa curva do saca-rolhas, sem consequências terminando no 13º lugar.

Alex Lowes (Voltcom Crescent Suzuki) herdou a sexta posição, enquanto Sylvain Guintoli (Pata Honda CBR1000RR) o atual campeão do Mundo de WSBK  foi sétimo à frente de seu companheiro de equipa e campeão do Mundo de Supersport Michael Van der Mark.haslam2

Leandro Mercado (BARNI Racing Team) impressionou a 9 de bordo do, o piloto argentino recupera de uma enorme queda no início do fim de semana.

O 10º lugar depois das 25 voltas foi para Leon Camier (MV Agusta Reparto Corse), com Randy de Puniet (Voltcom Crescent Suzuki) e Roman Ramos (Team Go Eleven) completando o top 12.

2ª Corrida

Mais uma vez Chaz Davies (Aruba.it Racing – SBK Ducati Team) liderou desde o início,  mas ao contrário da corrida 1, foi seguido de perto na primeira parte da corrida pelos pilotos da  Kawasaki Racing Team Tom Sykes e Jonathan Rea e por  Leon Haslam (Aprilia Racing Team – Red Devils) formando um quarteto que se destacou dos demais.

Chaz Davies apertou pouco depois o ritmo e conseguiu um avanço de  1.406s sobre Tom Sykes e Jonathan Rea, fazendo uma cópia do pódio da 1ª corrida.corrida1

O interesse voltou-se para os pilotos da Aprilia Jordi Torres e Leon Haslam que lutaram até final, com intensas trocas de posições acabando respetivamente em 4 e 5. Seguiu-se num solitário 6º lugar,  o piloto que não terminou a 1ª corrida Ayrton Badovini (BMW Motorrad Italia).

Michael van der Mark (Pata Honda Superbike World Team) levou a melhor sobre Niccolo Canepa (Althea Racing) numa luta pessoal para o sétimo posto com Leandro Mercado (Barni Racing), mais uma vez nono à frente de Leon Camier (MV Agusta Reparto Corse).

Os restantes pilotos que conseguiram pontos na pista da California foram Randy de Puniet (Voltcom Crescent Suzuki), Roman Ramos (Team Go Eleven), Matteo Baiocco (Althea Racing), Gianluca Vizziello (Grillini Racing) e Christophe Ponsson (Team Pedercini).

A próxima etapa do eni FIM Superbike Mundial será na pista de  Sepang, Malásia no fim de semana de 1 e 2 de agosto.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.