Os incêndios, acontecem todos os anos com maior ou menor impacto sem existir uma real estratégia no combate aos fogos e na articulação dos vários organismos a fim de evitar uma tragédia. Agora que a tragédia aconteceu, a maior parte dos Partidos Políticos olham para o lado como se não tivessem responsabilidades sobre o assunto.

É evidente que os incêndios florestais são responsabilidade dos vários governos, o pedido de demissão do primeiro-ministro e a moção de censura, exigido pela oposição é uma hipocrisia descarada. A iniciativa por parte de Assunção Cristas em exigir uma moção de censura ao atual Governo é a completa desresponsabilização da sua própria governação, como Ministra da Agricultura, durante a governação anterior, também ela tem responsabilidade com a atual situação, o que deveria ser assumido pele própria, antes do aproveitamento político que está a tentar capitalizar. É pouco ético e não lhe fica bem.

Claro que o Estado falhou, mais de uma centena de pessoas morreram em quatro meses. É evidente que as estruturas da proteção cível não funcionaram e por isto deve haver responsabilidades políticas assumidas por António Costa como líder do atual Governo, que acabou por fazer o que deveria ter sido feito logo após a tragédia de Pedrogão com o Conselho de Ministros extraordinário e todo um conjunto de estratégias a aplicar. Mas é bom que ninguém lave as suas mãos deste arrastar de nada ser feito e todos, sem exceção retirem as consequências da sua própria negligência em relação ao assunto.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui