O duas vezes vencedor do Dakar, Nasser Al-Attiyah teve um de corrida stressante pois, após obter o melhor no prologo com  25,41 minutos,  viu o cockpit da sua Toyota Hilux,  encher-se de fumo devido a uma pequena fuga de óleo num tubo que combinado com o calor intenso no motor causou um pequeno incêndio. Nasser  parou pouco depois e com receio de possíveis consequências esperou pelo seu companheiro Giniel de Villiers, para ser rebocado até ao  bivouac.

Nasser Al-Attiyah: “”Estivemos muito bem ao ganhar a etapa, mas pouco depois vimos uma fumaça a sair do nosso carro. Vimos o fogo no carro e paramos imediatamente para não perdermos  o carro. Um pequeno tubo de óleo tinha-se partido e pulverizava o motor com óleo. Não houve danos, mas estávamos com medo de arrancar com o motor. Os nossos mecânicos vão trabalhar esta noite e estaremos de volta na estrada amanhã. “

Carlos Sainz lidera o contingente da equipa Peugeot em quarto lugar com Sebastien Loeb em sexto e defensor do titulo  Stephane Peterhansel em 12 º.

  Sebastien Loeb: “Foi uma etapa complicada hoje,  acho que não era a ideal para o nosso carro. Mas foi bom, conseguimos ao longo do dia melhorar, ainda há um longo caminho a percorrer. ”

Cyril Despres: “A etapa começou com 3 Km em cima de muitas pedras, e isso foi uma verdadeira batalha. Era importante não cometer nenhum erro hoje, o que conseguimos e isso é tudo que podemos fazer numa primeira etápa. ”

Stephane Peterhansel: “A velocidade geral era um pouco alta para mim hoje, assim decidi conduzir num ritmo confortável para mim. A etapa foi semelhante a corridas que fiz no Brasil, gostei e o carro estava ótimo “.

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui