Morreu este domingo António Domingues de Azevedo, bastonário da Ordem dos Contabilistas Certificados, aos 66 anos, vítima de doença prolongada.

O bastonário da Ordem dos Contabilistas Certificados, António Domingues de Azevedo, morreu este domingo em Famalicão.

Tinha 66 anos e foi vítima de doença prolongada. A notícia foi avançada pela própria instituição.

Domingues de Azevedo liderava há 20 anos os destinos da entidade que regula a profissão de técnicos oficiais de contas, agora designados de contabilistas certificados, e foi o primeiro bastonário da instituição.

Foi ainda deputado pelo PS na Assembleia da República entre 1983 e 1995 e autor do projeto-lei que regulamentou a profissão de Técnico Oficial de Contas.

A Concelhia de Vila Nova de Famalicão do Partido Socialista, em comunicado, considerou Domingues de Azevedo “um grande homem e um grande socialista”, acrescentando que vai deixar “saudades e um legado inegável no nosso concelho e no nosso país”.

Move

COMPARTILHAR

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.