Foi apresentada, no final da semana passada, a intervenção artística que trouxe uma nova imagem à fachada do Teatro Carlos Alberto (TeCA).

A cerimónia de apresentação da nova fachada do TeCA, teve lugar no histórico teatro, na rua das Oliveiras, e foi enaltecida com a presença inevitável do presidente da Câmara do Porto, Rui Moreira, do secretário de Estado da Cultura, Miguel Honrado, e da presidente do Conselho de Administração do TNSJ, Francisca Carneiro Fernandes.

A intervenção artística foi de autoria de Martinha Maia, licenciada em Artes Plásticas e natural de São Mamede do Coronado, que venceu o concurso de arte urbana lançado pelo TNSJ, no Dia Mundial do Teatro, com o apoio da PortoLazer. A obra escolhida foi umas das 36 propostas levadas a concurso.

Martinha Maia vive e trabalha no Porto, é licenciada em Artes Plásticas desde 2000, pela ESAD-CR e tem um currículo marcado por inúmeras participações em exposições nacionais e internacionais.

Para a artista vencedora esta foi uma “ experiência totalmente diferente da forma de eu trabalhar. São cerca de 500 m2 de superfície no exterior”, pelo facto de trabalhar sobre uma tela protetora que ocultava a parede, a artista afirmou que este foi “quase um exercício de memória”. “Muita coisa foi feita com base na intuição e na forma de sentir a cidade. Existe uma diretriz, mas existe muito de um lado experimentalista e intuitivo”, explicou.

O júri considerou que a intervenção artística selecionada valoriza o edifício do Teatro Carlos Alberto e contribui para incentivar a produção criativa da arte urbana. Já para o Presidente da câmara “A roupagem do teatro está muito bonita.”

iPG

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui