Num breve resumo dos vencedores na pista Andaluza, indica a que:

A  Ducati com cinco vitórias, é a equipa de maior sucesso em Jerez: Chaz Davies foi o piloto que mais contribuiu com três vitórias, uma vitória na Corrida 2  em 2015 e uma dupla vitória em 2016 (a anterior dupla  tinha sido em 1990 por Raymond Roche). A Ducati partilha ainda o recorde de pódios no Circuito de Jerez Angel Nieto com a Kawasaki,  11 cada equipa.

Apenas três equipas venceram em Jerez,  a seguir à Ducati com 5 vitórias vem a Aprilia que este ano não participa no WorldSBK., com 4 vitórias e curiosamente duas duplas de Eugene Laverty em 2013 e de Marco Melandri em 2014.

A Kawasaki venceu três vezes em Jerez: em 2015, corrida 1 e em 2017, com uma dupla de Jonathan Rea. .A Kawasaki tem consistentemente ocupado o  pódio da pista espanhola desde 2013: desde então, eles fizeram 11 aparições no pódio, tornando-se a equipa com mais pódios em conjunto com a Ducati em Jerez, também é a única equipa com três poles consecutivas 2014, 2015 e  2016.  Foram quatro pódios na Honda em Jerez: os três primeiros vieram em 1990, enquanto que em 2015 Michael van der Mark conseguiu terminar em terceiro na Corrida 1. Em 2017 foram vários os problemas e apenas conseguiram um ponto com Takumi Takahashi, que terminou em 15º na Corrida 2.

A Yamaha tem melhorado constantemente em Jerez: até 1990 o seu melhor resultado tinha sido um 6º lugar; alcançou um quinto em 2016 (Guintoli, Corrida 1) e um quarto em 2017 (Lowes, ambas as corridas). A BMW ficou no pódio aqui em 2013 com Marco Melandri (2º) e marcou pontos em todas as corridas desde então. Em 2017, seu melhor resultado foi o 10º lugar de Jordi Torres na Corrida 2.

 

DEIXE O SEU COMENTÁRIO

Por favor escreva o seu comentário!
Por favor introduza o seu nome aqui